Como a caminhada carrega a bateria do smartphone

[vc_row css=”.vc_custom_1471128348224{margin-right: 30px !important;}”][vc_column][vc_empty_space height=”50px”][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_column_text][mkdf_dropcaps type=”normal” color=”#C5DCED” background_color=””]E[/mkdf_dropcaps]stá numa caminhada por uma mata ou em qualquer outro percurso sem tomadas de energia elétrica e a bateria do smartphone está a ficar fraca. Vai em breve deixar de correr o risco de ficar pendurado. A fonte de energia necessária ficará resolvida com os nossos passos e um minúsculo captador de energia na sola dos sapatos. É uma aplicação da conversão de energia mecânica em energia elétrica.[/vc_column_text][vc_empty_space height=”20px”][vc_video link=”https://youtu.be/RRgmFo7bZJ4″][vc_empty_space][vc_column_text]De facto, poderemos em breve caminhar com calçado gerador de energia, um sistema capaz de gerar 10W por sapato, portanto várias vezes mais do que o requerido para recarregar a bateria do smartphone. É uma inovadora tecnologia de captura e armazenamento de energia que reduz a nossa dependência de baterias.
Este avanço acaba de ser anunciado pela Universidade de Wisconsin-Madison. O professor de Energia Mecânica Tom Krupenkin e o investigador J. Ashley Taylor revelam já ter conseguido que a recarga de dispositivos móveis também possa ser móvel, utilizando para isso a energia que geramos ao caminhar e um dispositivo rudimentar de captação de energia instalado na sola de qualquer par de sapatos.

Gerar um total de 20W numa caminhada é uma fartura, tendo em conta as necessidades de alimentação elétrica da maioria dos dispositivos móveis modernos”, comenta Tom Kuperkin.

Para além desta investigação desenvolvida no âmbito da Universidade de Wisconsin-Madison, estão a avançar. É o caso de um grupo de jovens empreendedores, formados designadamente em áreas da engenharia eletrónica e mecânica, que constituíram a empresa “SolePower” onde está a ser desenvolvido o modelo “Ensoles”, basicamente um pequeno dispositivo que capta a energia produzida ao caminhar e que a conduz e armazena numa pequena bateria colocada sobre os sapatos. Nas contas da “Ensoles”, uma hora de caminhada, o que corresponde a cerca de 6750 passos, gera a energia necessária para alimentar 30 minutos de conversa num iPhone 6.[/vc_column_text][vc_empty_space height=”20px”][vc_video link=”https://youtu.be/nlLcqYMzExE” align=”center”][vc_empty_space height=”20px”][/vc_column][/vc_row]